Recordista no Troféu Brasil, Kleberson Davide sonha com Olimpíada

64
Foto Rede Social do atleta

Caso conquiste o índice para Tóquio 2021, será o quarto Jogos Olímpicos na carreira de Kleberson Davide

No último dia 20 de julho, o meio-fundista Kleberson Davide completou 35 anos de idade e o corredor tem motivos de sobra para comemorar. Com três Jogos Olímpicos no currículo, o atleta do Esporte Clube Pinheiros pode chegar a marca de disputar a quarta Olimpíada em sua carreira.

“Foco total em 2021 , estou voltando de lesão e talvez tenha sido uma das lesões mais sérias de minha carreira, mas eu já voltei aos treinos, mas de forma adaptada, leve e com muita cautela, pois, conquistar essa vaga para os Olímpicos”, explicou Kleberson Davide, que foi campeão dos 800 metros do Troféu Brasil de 2007/2008/2009/2010/2011.

Caso conquiste o índice e a vaga para disputar os Jogos Olímpicos Tóquio 2021 será a quarta participação em Olimpíada. O atleta dos 800 m esteve em Pequim (2008), Londres (2012) e Rio de Janeiro (2016).

Que história linda… Parabéns Kleberson Davide

Ainda em relação aos treinamentos, o atleta estava entre aos autorizados para utilizar o Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), mas em virtude da cidade de Bragança Paulista ter voltada para fase vermelha em relação ao Plano SP de combate do COVID-19, o local foi fechado e Kleberson voltou a treinar de forma adaptada.

“Fui totalmente afetado, atrapalha toda minha periodização, treinamento específico, tiros, técnicas… Então tive que me adaptar com os materiais e lugares disponíveis no momento. Estou treinando em casa, saindo pra fazer rodagem na rua adaptando alguns treinos, até porque estou me recuperando de uma lesão, então pude dar uma diminuída no volume e ritmo de treino”, detalhou o meio-fundista.


“Acho que qualquer atleta de alto rendimento diria que foi a melhor experiência da vida, um sonho para todos né. A sensação de estar junto com os melhores do mundo, grandes nomes, e saber que você está ali porque também faz parte desse time é inexplicável”.

E foi assim que tudo começou…

Nascido em Conchal (interior de São Paulo), mas vive grande parte de sua vida na cidade de Arthur Nogueira, foi onde conheceu o atletismo. A rotina era como de muitos jovens da região. Estudava e depois ia para roça colher laranja. Entretanto, o destino mudou quando começou a treinar futebol.

“Um dia descobri que a prefeitura estava oferecendo treinamento para futebol. Interessei-me e comecei a treinar. Sempre me destaquei na corrida. Nunca fui de marcar gol (risos). Ficava correndo que nem um louco de um lado para o outro no campo. Era treinado pelo Lebrinha, que me levou para fazer um teste no atletismo na Funilense e passei. Na segunda, quarta e sexta eu treinava futebol, nos outros dias ia para o atletismo”, contou o atleta ao Jornal Nogueirense.

Recorde batido

Colecionador de títulos e marcas, Kleberson é um dos grandes nomes do atletismo. Entre essas marcas, o atleta bateu o recorde do Zequinha Barbosa nos 800 m (1:44.3), marca de 1983 e que durou 28 anos. O feito aconteceu no Troféu Brasil de 2011 e o Kleberson Davide completou a prova com tempo de 1:44.21.

“Uma sensação incrível até porque eu não tinha a intenção de bater esse recorde, só estava focado em ganhar a prova e ser campeão. Entrei com tanta determinação e foco que além de sem campeão eu consegui conquistar esse recorde no Troféu Brasil. Tenho muito orgulho, como você disse, um dos grandes nomes do Atletismo”, falou o recordista.

Histórico do meio-fundista

Vice campeão do Pan-Americano do Rio de Janeiro 2007

Vice-campeão do Jogos-Panamericano de Guadalajara 2011

Campeão dos 800 metros do Troféu Brasil de 2007/2008/2009/2010/2011/( recorde do campeonato)

Participação do Mundial de Osaka 2007

Participação no Jogos Olímpicos de Pequim 2008, Londres 2012 e Rio 2016

Participação do Mundial de Berlim 2009

Campeão do GP Rio, GP Belém e GP de Uberlândia 2009

Classificado em 17º lugar, no Ranking Mundial de Adultos da IAAF 2009

Participação do Mundial Indoor Dora 2010

Vice-campeão do Ibero-Americano realizado na Espanha em 2010

4º Lugar na Copa do Mundo de Atletismo realizado na Croácia em 2010

Campeão do GP Rio, GP Belém e GP de Uberlândia 2010

Classificado em 18º lugar, no Ranking Mundial de Adultos da IAAF 2010

Vice-campeão do GP de Fortaleza e GP Belém 2011

Campeão Sul-Americano nos 400 metros no revezamento 4×400 m

Vice-campeão Sul-Americano nos 800 metros

9 º lugar no Campeonato Mundial realizado na Coreia do Sul em Daegu

Medalha de prata Pan-Americano 2011 em Guadalajara

Recordista Brasileiro Sub-23

Você já entrou na página de Cursos aqui no site da Federação Paulista (FPA)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here