Atletismo Paulista encerra participação no Mundial Indoor com PB e recordes sul-americano

348
Thiago Moura (Wagner Carmo/CBAt)

O Campeonato Mundial Indoor realizado na Stark Arena, em Belgrado reuniu os principais nomes do atletismo mundial para uma competição que teve início na sexta-feira (18) e encerrou neste domingo (20).

A delegação brasileira contou com nove atletas de clubes filiados ao Atletismo Paulista e mais dois treinadores Darci Ferreira da Silva e José Antônio Rabaça, o médico André Luís Lugnani de Andrade e o massoterapeuta Jorge Antônio Lima.

Destaques do Atletismo Paulista

Vitória Rosa faz recorde sul-americano nos 60 m
(Wagner Carmo/CBAt)

Vitória Rosa (Pinheiros-SP), fechou o Mundial de Belgrado na oitava colocação, com 7.21. Porém, na série semifinal, Vitória Rosa ficou na terceira colocação com 7.14, com esse tempo, Vitória bate o recorde sul-americano dos 60 m que pertencia à Rosângela Santos (7.17).

Aos 26 anos, Thiago Alfano Moura (ASUFAM) encerra a participação no Mundial Indoor na quinta colocação, com 2,31 m, com a marca, o atleta de Guarulhos é o novo recordista brasileiro e sul-americano do salto em altura em pista coberta.

Desempenho Feminino

Ketiley Batista
(Wagner Carmo/CBAt)

Com tempo de 8.37 nos 60 m com barreiras, Ketiley Batista (ASPM-SP) fez sua melhor marca pessoal (PB) e encerra sua participação no Mundial Indoor na 39ª posição, a atleta é treinada por Luiz Gustavo Consolino.

Também nos 60 m com barreiras, a atleta Vitória Sena Alves (ASUFAM Guarulhos) completou a prova com tempo de 8.65 terminando na 41ª posição.

Fechando a participação feminina no Mundial Indoor de Belgrado, Eliane Martins (E.C Pinheiros-SP), queimou as três tentativas.

No Masculino…

Treinados por Darci Ferreira, Felipe Bardi e Erik Cardoso (SESI-SP) encerram a participação na 17ª, com (6.67) e 34ª, com (6,73 m) colocação respectivamente.

Fernando Carvalho (Orcampi), do salto em altura, fechou a prova na sétima colocação, com 2,24 m (SB). Fechando a participação no masculino, Lucas da Silva (EC Pinheiros-SP), dos 400 m foi desqualificado.

Destaques

Foto: Divulgação

No segundo dia de competição, o atleta Darlan Romani conquistou a medalha de ouro no arremesso do peso, com 22,53 m. O novo campeão Mundial Indoor entra para o seleto grupo de campeões mundiais indoor do Brasil, ao lado de Duda (salto em distância), Zequinha Barbosa (800 m) e Fabiana Murer (salto com vara).

Ainda sem clube, Darlan Romani realizou toda sua preparação para a competição na cidade de Bragança Paulista, em São Paulo, ao lado de seu treinador, Justo Navarro, no Centro Nacional Loterias Caixa de Desenvolvimento do Atletismo.

Com a conquista, Darlan ainda bateu o recorde da competição e sul-americano em pista coberta.

Belgrado ainda tinha mais!
6.20m! A world record for Mondo Duplantis at the World Athletics Indoor Championships Belgrade 22 (© Getty Images)

Salto com vara estratosférico, assim escreveu o site oficial da World Athletics para falar do feito conquistado por Mondo Duplantis. O sueco bateu o recorde mundial da modalidade ao salta6,20 m e mais uma vez escrever seu nome na história do salto com vara, atletismo e no esporte em geral.

O brasileiro, Thiago Braz (sem clube), ficou com a prata (5,95 m). Além da segunda colocação, o atleta nascido em Marília bate o recorde brasileiro e sul-americano, que também pertencia a ele (5,93 m) conquistado em 2016.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here